PMs ameaçam retirar contigente de 30% das ruas

O líder do PT na Câmara, Walter Pinheiro (BA), informou há pouco à Agência Estado que os policiais militares da Bahia estão ameaçando retirar das ruas os 30% do contingente que ocuparam as ruas desde ontem à noite, se até as 16h30 os representantes do governo baiano não se apresentarem para a continuação das negociações. Pinheiro afirmou que os policiais militares em greve esperavam o governo para uma reunião à meia-noite, depois de aceitarem colocar os policiais na rua de forma gradual. Agora, ameaçam retornar aos quartéis. "Assim fica difícil para nós intermerdiarmos esse conflito, se o governo não cumpre a sua parte. Foi exatamente esse comportamento que levou à radicalização do movimento", disse Pinheiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.