PMDB vai destacar Marta em programa na TV

Principal aposta do PMDB para a disputa municipal deste ano e recém-chegada na legenda, a senadora Marta Suplicy (SP) será a grande estrela do programa partidário previsto para ir ao ar, em cadeia nacional de rádio e TV, no próximo mês.

Erich Decat / BRASÍLIA, O Estado de S.Paulo

19 de janeiro de 2016 | 02h02

"Ela vai ter uma participação maior. Ela é a grande novidade e a grande aposta do PMDB. Com a saída do Datena da disputa, acho que ela ganha uns cinco pontos, uma vez que ele também disputaria o voto de periferia", disse ao Estado o marqueteiro do PMDB, Elsinho Mouco, responsável pela produção do programa. Ontem, o apresentador José Luiz Datena afirmou que desistiu de ser candidato pelo PP.

Segundo Mouco, a imagem de Marta vai reforçar uma das mensagens centrais que o partido pretende passar, que é a necessidade de se fortalecer o federalismo. "A atuação dela como prefeita reforça essa questão da federalização porque ela conseguiu comprometer grande parte do orçamento na questão da tarifa única de ônibus. Há também a questão dos Centros de Artes e Esportes Unificados (CEUs), que hoje estão degradados, abandonados. O que ela fez é o que a gente vai tentar prometer para o Rio de Janeiro, Recife, Curitiba e Porto Alegre", disse Mouco.

Paralelo às agendas de gravações, a senadora, que deixou o PT em abril de 2015, tem intensificado os "trabalhos de base" neste início de ano com líderes locais do PMDB de São Paulo. Marta participou sábado de caminhada no Mercado Municipal da Lapa, região oeste da cidade.

A senadora ainda precisa ter seu nome confirmado em convenção da legenda para entrar na disputa. O presidente municipal do partido e secretário de Educação, Gabriel Chalita, tem trabalhado para que o partido se mantenha na chapa do prefeito Fernando Haddad (PT).

Tudo o que sabemos sobre:
O Estado de S. Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.