PMDB oferece ao DEM de Cesar Maia vaga ao Senado

Na tentativa de levar o DEM para a coligação pela reeleição do governador peemedebista Luiz Fernando Pezão, o PMDB-RJ ofereceu ao ex-prefeito Cesar Maia a vaga de candidato ao Senado na chapa. Maia é pré-candidato do DEM ao governo do Estado e vinha dizendo que não havia hipótese de apoiar Pezão. A oferta da candidatura ao Senado, no entanto, mudou o cenário. A inclusão do DEM na coligação de Pezão deverá ser anunciada na manhã desta segunda-feira, 23.

LUCIANA NUNES LEAL, Agência Estado

22 Junho 2014 | 15h41

Maia conversou na tarde deste domingo, 22, com o pré-candidato do PSDB a presidente, Aécio Neves, que tem apoio de grande parte do PMDB fluminense. O PSDB tende a aprovar a coligação com Pezão, mas a convenção do PSDB-RJ, realizada neste domingo, deixou a decisão final para a executiva estadual, com prazo até o dia 30 de junho.

Para que Maia seja candidato, o ex-governador Sérgio Cabral (PMDB) terá que abrir mão da disputa pelo Senado. A hipótese de Cabral desistir foi levantada na última sexta-feira, 20, quando o PSB anunciou apoio ao candidato do PT ao governo estadual, Lindbergh Farias, com o deputado e ex-jogador Romário candidato a senador.

Mais conteúdo sobre:
eleiçõesPMDBDEMvagasenado

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.