PMDB não adiará prévias, diz Simon

A ala governista do PMDB não conseguirá adiar a realização das prévias, marcadas para o dia 20 de janeiro, para a escolha do candidato do partido à sucessão presidencial. A afirmação é do senador Pedro Simon (PMDB-RS) que hoje, juntamente com o governador de Minas, Itamar Franco, inscreveu sua candidatura às prévias."No momento em que registramos nossa candidatura, as prévias estão consolidadas", afirmou Simon, que acompanhou o governador mineiro nas visitas aos presidentes da Câmara, Aécio Neves (PSDB-MG), do Senado, Ramez Tebet (PMDB-MS), e do PMDB, deputado Michel Temer (SP).Apesar das pressões que alguns integrantes da ala governista, como o governador de Pernambuco, Jarbas Vasconcelos, estão fazendo para adiar as prévias, Temer confirmou a Itamar e Simon, segundo o próprio senador gaúcho, que elas serão realizadas dia 20. "A preocupação do PMDB é escolher um bom candidato", disse Temer, para quem o partido não pode adotar uma posição de incoerência, ou seja, assumir uma postura radical contra o governo.No encontro reservado com Temer, antes de inscrever sua candidatura, o governador mineiro mostrou-se cordial e, em nenhum momento, fez cobranças ao presidente do partido. Mas, por conta de sua imprevisibilidade, os dirigentes partidários admitem que amanhã, quando dará entrevista coletiva, Itamar poderá retomar suas críticas ao governo e à cúpula do PMDB.Para explicitar sua posição, Temer aproveitou a reunião pública com Itamar para anunciar que aceitou convite do presidente Fernando Henrique Cardoso e integrará a comitiva presidencial que embarca nesta quinta-feira para Madri e Paris. "Eu vou falar na viagem que o PMDB aceita a aliança se for cabeça da chapa presidencial", ressaltou Temer, em entrevista."Mesmo com a presença de Temer na comitiva presidencial e apesar das pressões pelo adiamento das prévias, eles (os governistas) não vão conseguir alterar a data, fixada em novembro pela convenção nacional", garantiu o senador Pedro Simon, considerando também "um absurdo" a possibilidade de os governistas forçarem o Conselho Político do PMDB a solicitar uma nova convenção para adiar as prévias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.