PMDB e PSDB mudam datas de propaganda

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) deu nesta quarta-feira o aval para que o PMDB permute com o PSDB as datas de veiculação das inserções nacionais a que os partidos têm direito neste semestre. Com a decisão, as pequenas peças publicitárias do partido do ministro da Saúde, José Serra, serão apresentadas no início de março e não mais em maio, como estava programado. O PSDB deverá apresentar suas inserções nos dias 5, 7 e 9 de março, enquanto o PMDB ficará com os dias 2, 4 e 14 de maio (originalmente reservados ao PSDB). A decisão unânime foi tomada em sessão administrativa do TSE, que não é pública. Os ministros seguiram sugestão da assessoria especial do tribunal, que citou uma resolução de 1997 para justificar a permissão para alterar datas e horários da transmissão, desde que requisitada com 15 dias de antecedência. "É de notar que se trata de primeira alteração do PSDB, que a antecedência de 15 dias foi observada, bem como houve a anuência do PMDB, tornando assim as datas pleiteadas disponíveis", decidiu o plenário do TSE.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.