PMDB cerca Real Grandeza

Tropa de choque do PMDB, o deputado Bernardo Ariston (RJ) foi eleito ontem presidente da estratégica Comissão de Minas e Energia. E já começou a cumprir o script traçado pela banda do partido que cobiça o comando da Fundação Real Grandeza. Ariston se comprometeu a debater a situação do fundo de pensão de Furnas nos primeiros dias de trabalho na comissão. Ele chegou ao cargo com a indicação do deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que é apontado como o principal articulador do cerco do PMDB ao Real Grandeza. O presidente disse que pretende esclarecer a polêmica envolvendo o seu partido e a tentativa de troca dos diretores do fundo de pensão de Furnas. "Precisamos acompanhar de perto essa questão. Estão sendo feitas ilações com interesses obscuros."O deputado Chico D''Angelo (PT-RJ) vai acatar a proposta do governo federal que cria a Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc) como novo órgão de fiscalização dos fundos de pensão no País. Relator do assunto na Comissão de Seguridade Social da Câmara dos Deputados, D''angelo deve apresentar seu relatório na próxima semana.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.