PM retira sem-terra da fazenda Santa Maria

A Polícia Militar cumpriu, ao meio-dia de hoje, o mandado de despejo dos cerca de 300 sem-terra que tinham invadido, na segunda-feira, a fazenda Santa Maria, em Teodoro Sampaio, área do Pontal do Paranapanema. A área pertence ao fazendeiro Jovelino Mineiro, sócio dos filhos do presidente Fernando Henrique Cardoso em outra propriedade, a fazenda Córrego da Ponte, em Buritis (MG). O despejo havia sido determinado na noite de ontem pelo juiz Atis de Araújo Oliveira.Embora mencionasse na sentença uma possível prisão dos líderes dos sem-terra, o juiz não emitiu nenhum mandado nesse sentido. A PM colocou de prontidão cerca de 100 policiais da região, mas não precisou mobilizar toda a tropa. Apenas 20 policiais acompanharam o despejo. O oficial de Justiça, Paulo de Faria Lourenço leu o mandado para os líderes dos sem-terra, no qual era determinada a desocupação imediata da área. Os invasores acataram a decisão e começaram a desmontar as barracas. Eles vão para um assentamento do Estado em Marabá Paulista, cidade próxima. A mulher do líder José Rainha, Diolinda da Silva, estava entre os sem-terra durante o despejo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.