PM retira moradores de área de risco

A Polícia Militar de São Paulo retirou os moradores das residências num raio de dois quilômetros do local onde ocorreu o vazamento de gás liquefeito de petróleo (GLP), em um gasoduto da Petrobras, perto do quilômetro 18 da Rodovia Castelo Branco, em Barueri, na Grande São Paulo. O acesso ao local está bloqueado e há um forte cheiro de gás no ar em alguns pontos, inclusive nas proximidades do pedágio da Castelo Branco. Técnicos da Cetesb continuam monitorando uma área de aproximadamente 200 metros quadrados perto do quilômetro 18.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.