PM estima agora 1 milhão de manifestante na Avenida Paulista e adjacências

A Polícia Militar informou há pouco que, às 15h40, já havia um milhão de manifestantes na Avenida Paulista e adjacências protestando contra o governo da presidente Dilma Rousseff. Segundo a PM, o Metrô informou que a cada dois minutos chegam 4 mil pessoas para o protesto na região, informação que tem sido levada em conta no cálculo das estimativas. A estação Trianon-Masp, que fica na região onde os manifestantes estão concentrados, foi fechada por excesso de usuários.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.