PM desocupa fazenda invadida pelo MST

Policiais militares cumpriram, ontem, mandado de reintegração de posse da Fazenda Martinópolis, na região de Ribeirão Preto. A área foi ocupada em 11 de junho por cerca de 150 integrantes do Movimento dos Sem-Terra (MST). Determinada pela juíza Andréa Schiavo, a desocupação foi pacífica. Os sem-terra querem a reforma agrária da área. Alegam que a fazenda foi arrematada pelo governo estadual por dívidas dos antigos donos e que está sendo usada irregularmente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.