PM dá prazo para sem-terra desocupar fazenda em Minas

Os sem-terra que invadiram a Fazenda Dalel Aparecida, em Buritis, no noroeste de Minas, têm até a manhã desta terça-feira para desocupar a área. O prazo foi determinado pela Polícia Militar, responsável pelo cumprimento da reintegração de posse. A propriedade, de 948 hectares, foi invadida no dia 10 de abril por um grupo dissidente do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST). Após quatro dias de tensão, os líderes dos sem-terra se reuniram no final da tarde de hoje com representantes da PM e do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), mas solicitaram um prazo até as 21 horas para decidir sobre a desocupação. Eles alegaram que só iriam anunciar a posição após uma assembléia no acampamento.?Essa é a última tentativa para uma saída pacífica. Nós tivemos paciência mais uma vez. Esperamos que eles tenham juízo?, informou o capitão Elias Andrade Oliveira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.