Plataforma pode afundar, diz sindicalista

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Petrobrás no Norte Fluminense, Fernando Carvalho, informou que a explosão na Plataforma P-36 ocorreu em uma de suas colunas. "As pessoas já foram todas retiradas pois existe, inclusive, o risco da plataforma afundar", afirmou Carvalho. De acordo com o sindicalista, o acidente ocorreu nos equipamentos próprios da plataforma e não naqueles ligados à extração e processamento de petróleo e gás.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.