Plano Nacional mostra 'confusão no governo', diz Serra

Governador não quis dar opinião sobre Programa de Direitos Humanos; para FHC, Lula 'calçou sapato errado'

Agência Estado,

12 de janeiro de 2010 | 11h34

O governador de São Paulo, José Serra (PSDB), apontou nesta segunda-feira, 11, "confusão" no governo Luiz Inácio Lula da Silva e não quis dar opinião sobre o Programa Nacional de Direitos Humanos (PNDH). "Há grande confusão dentro do próprio governo de maneira que vamos ver se o governo elucida bem suas posições e aí, como cidadão, no futuro, a gente vai avaliar", disse.

 

Veja também:

link Planalto deve tirar polêmicas do Plano de Direitos Humanos

link Comissão da Verdade não é negociável, diz Vannuchi

link Plano 'atualiza' texto da era FHC com intervencionismo

blog BLOG DO BOSCO: A Constituinte do PT  

 

 

 

Para o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, a "confusão" se deu na elaboração do plano. "Esse é um problema do Lula. Ele calçou o sapato errado", afirmou, após encontro com integrantes da cúpula do PSDB em São Paulo. Fernando Henrique disse não ser contra a criação da Comissão da Verdade, mas criticou a forma como a discussão foi colocada. "Combinaram uma coisa e fizeram outra." As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.