Planalto será iluminado de laranja em campanha contra violência às mulheres

Prédios públicos farão parte de ação mundial conduzida pela ONU

Isadora Peron e Carla Araújo, O Estado de S.Paulo

18 Novembro 2015 | 20h43

BRASÍLIA - O Palácio do Planalto e outros prédios públicos vão ser iluminados com a cor laranja a partir desta quarta-feira, 18, como parte de uma campanha mundial que pede o fim da violência contra as mulheres.

Depois de se reunir com a presidente Dilma Rousseff, a diretora-executiva da ONU Mulheres, Phumzile Mlambo-Ngcuka, disse que este ano a mobilização vai começar pelo Brasil.

“Estamos aqui para respaldar os esforços que estão sendo feitos pelo governo brasileiro para colocar fim à violência contra as mulheres, que sabemos ser um problema aqui no Brasil”, disse a representante da ONU.

Outros 70 países também vão participar da ação. As cataratas do Niágara, no Canadá, e as ruínas arqueológicas de Petra, na Jordânia, também irão ser iluminadas com a cor laranjada.

Em sua passagem pelo Brasil, Phumzile deve visitar uma unidade da Casa da Mulher Brasileira. A ideia é que esses centros de atendimento às mulheres vítimas de violência sejam criados nos 27 Estados, mas até agora apenas dois deles foram inaugurados.

Para a representante da ONU, hoje não há nenhum país no mundo que tenha alcançado a plena igualdade em matéria de gênero, mas ela destacou que o Brasil tem feito  os esforços para combater a discriminação.

Mais conteúdo sobre:
Dilma Rousseff Brasil Canadá Jordânia ONU

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.