PL é contra cobrança de inativos, mas apóia o PT, diz líder

O ministro da Previdência Social, Ricardo Berzoini, chegou por volta das 8h30 ao Hotel Nacional para um café da manhã com a bancada do PL na Câmara em que vai discutir a proposta de reforma da Previdência. O presidente e líder do partido, Waldemar Costa Neto (SP), disse que o PL é contra a contribuição dos inativos, mas admitiu que, se não hover jeito, vai acompanhar o PT. "Vamos até o fim apoiando o PT", afirmou. Ele disse acreditar que a proposta possa ser alterada em negociação no Congresso, mas que, por enquanto, o partido não vai tomar a iniciativa de propor alterações no projeto. Hoje começa em Brasília a rodada de encontros entre parlamentares da base aliada e governadores. Estarão na capital os governadores do PSB Rosinha Matheus (RJ), Paulo Hartung (ES), Ronaldo Lessa (AL) e Vilma Maia (RN), para um encontro com a bancada do partido, a partir das 14 horas, na Câmara. Participará também desse encontro o líder do governo na Câmara, deputado Aldo Rebelo (PcdoB-SP).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.