Pimentel diz que caso está superado

O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel, disse hoje que o caso envolvendo sua empresa de consultoria, a AP-21 Consultoria e Projetos, que teria faturado mais de R$ 2 milhões em 2009 e 2010, está "superado".

MARINA GUIMARÃES, CORRESPONDENTE, Agência Estado

09 de dezembro de 2011 | 13h34

Em rápida entrevista ao chegar ao Palácio San Martin, em Buenos Aires, onde irá se reunir com a equipe argentina para começar a discutir mecanismos de integração produtiva das indústrias dos países, Pimentel disse que já deu todas as explicações que devia à presidente Dilma Rousseff.

O ministro disse estar tranquilo e afirmou estar disposto a prestar esclarecimentos ao Congresso. "Sim, se eu for chamado ao Congresso, irei porque esse é o dever de todo o ministro", afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:
PimentelArgentina

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.