Pimenta: é difícil bloquear sinal de celular

O ministro das Comunicações, Pimenta da Veiga, disse que é muito difícil bloquear o sinal dos telefones celulares nas áreas dos presídios, uma vez que esse bloqueio não se restringe aos edifícios das penitenciárias, o que poderia prejudicar o uso dos celulares pelos usuários das proximidades das casas de detenção. Segundo Pimenta, o Ministério das Comunicações recebeu vários pedidos, inclusive um ofício da Secretaria de Segurança do Paraná, para que seja avaliada a possibilidade de bloqueio. Segundo o ministro, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) também vê com dificuldade a criação da "zona de sombra" para impedir que os presos se comuniquem por meio do telefone móvel. Pimenta também comentou a possibilidade de registrar o telefone pré-pago, já que o celular que utiliza cartão é o mais usado pelos presidiários. Pimenta disse que as sugestões serão analisadas, desde que não se tire a agilidade que o pré-pago tem. "Não vamos burocratizar o sistema de telefonia. Não queremos quebrar este espírito". De acordo com o ministro, o importante é atuar nas causas da violência, citando como exemplo a concentração de renda, e discutir as questões urbanas num sentido amplo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.