PFL pode expulsar deputado Lael Varella

O líder do PFL na Câmara, José Carlos Aleluia, disse há pouco que o deputado Lael Varella (PFL-MG), que desobedeceu a orientação do partido e votou favoravelmente ao salário mínimo de R$ 260 deverá ser expulso da legenda "amanhã mesmo". "Ele é reincidente e, na minha opinião, deve ir para a rua o mais rápido possível", afirmou Aleluia. O PFL reunirá amanhã a sua Executiva Nacional para tratar desse assunto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.