PF vai ouvir brasileiros repatriados dos EUA

Assim que desembarcarem no aeroporto de Confins (MG), os brasileiros vindos dos Estados Unidos prestarão depoimentos a delegados da Polícia Federal. A PF quer saber o motivo da viagem e se eles foram maltratados nas prisões norte-americanas. Os delegados esperam a colaboração daqueles presos com passaportes falsos para ajudar a identificar o intermediário que providenciou o documento.A PF também pretende obter dos brasileiros informações que levem a agências de turismo ou nomes ligados ao tráfego de pessoas. A PF preparou um formulário-padrão para liberar os passageiros o mais rápido possível. Os delegados ouvirão, em primeiro lugar, as mais de 80 pessoas que são de outros Estados e depois os mineiros. Segundo assessoria da superintendência da PF em Minas Gerais, um dos passageiros tem mandado de prisão decretada, mas o crime já estaria prescrito.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.