PF prendeu Dantas, Nahas e Pitta em 8 de julho

A Operação Satiagraha foi deflagrada em 8 de julho, quando a PF saiu às ruas com 24 ordens de prisão e 56 mandados de busca e apreensão para desbaratar uma quadrilha que teria movimentado US$ 1,9 bilhão. O principal alvo era o banqueiro Daniel Dantas, do Opportunity, preso juntamente com o ex-prefeito Celso Pitta e o investidor Naji Nahas. O Supremo Tribunal Federal mandou soltar Dantas no dia seguinte, mas ele voltou à cadeia. Foi solto de novo pelo STF. O delegado Protógenes Queiroz, que recrutou agentes da Abin na investigação, foi afastado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.