PF detecta desvio de recursos em obras públicas no RS

A Polícia Federal cumpriu 23 mandados de busca e apreensão em oito cidades do Rio Grande do Sul e mais dois em Brasília (DF) e dois em Palmas (TO) durante a Operação Paralelo 31-S, que investiga desvios de recursos de obras públicas em cidades da zona sul do Rio Grande do Sul, nesta terça-feira. Também foram efetuadas três prisões em flagrante por porte ilegal de arma de fogo em Bagé, Brasília e Palmas. A investigação detectou irregularidades como superfaturamento de equipamentos hidromecânicos e medições de serviços não executados por pessoas ligadas a empresas de engenharia na barragem de Arvorezinha, em Bagé, e em um projeto de irrigação em Arambaré, que teriam causado prejuízos de R$ 12 milhões à União. Segundo a Polícia Federal, as duas obras foram embargadas e a Justiça determinou o sequestro de bens dos envolvidos para futura reparação de danos ao erário.

ELDER OGLIARI, Agência Estado

11 Junho 2013 | 19h05

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.