PF cancela briefing sobre prisões no Amapá, por determinação do STJ

Processo que envolve prisão de governador vai correr em segredo de justiça

Vannildo Mendes, da Agência Estado

10 de setembro de 2010 | 15h08

BRASÍLIA -  Por determinação do Superior Tribunal de Justiça (STJ), a Polícia Federal cancelou o briefing que daria hoje à tarde, em Brasília, para detalhar sobre as prisões ocorridas hoje no Amapá, dos envolvidos no esquema de desvio de dinheiro público.

 

A alegação do STJ é de que o inquérito corre em segredo de Justiça. Entre os presos estão o governador do Amapá, Pedro Paulo Dias (PP) e o ex-governador Waldez Góes.

Tudo o que sabemos sobre:
Polícia FederalAmapáprisãoSTJ

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.