PF caça guerrilheiros colombianos em território brasileiro

A Polícia Federal iniciou esta semana uma megaoperação para tentar localizar um acampamento de um grupo guerrilheiro atuando em território brasileiro, provavelmente ligado às Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc). O grupo foi visto por índios próximo a uma pista de pouso em Caparro, no noroeste do Amazonas, destruída hoje por caças bombardeios AMX e F-5 da Força Aérea Brasileira (FAB).Moradores da região chegaram a ter contato com pessoas estranhas próximas ao local com roupas semelhantes às utilizadas pelos guerrilheiros. "A pista servia de ligação do tráfico entre o Brasil, Colômbia e Suriname", afirma o delegado federal Mauro Spósito. Ele está levantando a rota dos traficantes com informações levantadas pelo Sivam.Esta é a segunda operação conjunta entre a FAB e a PF. A primeira, há um ano, aconteceu na fronteira do Pará com o Suriname e Guiana, onde foram localizadas três pistas que estavam sendo usadas por traficantes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.