Petrobrás assina três acordos para explorar petróleo

Durante a visita de Lula, a Petrobrás assinou três acordos com Cuba para exploração e produção de petróleo no Golfo do México. Os convênios incluem projetos de pesquisa em áreas do golfo e a construção de uma fábrica de lubrificantes. Embora autoridades brasileiras tivessem dito que haveria um pacote de investimentos, os acordos assinados ontem ficaram aquém da expectativa, que era de cerca de US$ 1 bilhão.No Palácio da Revolução, Lula assinou acordos de cooperação com Cuba na área de vigilância sanitária de medicamentos e de ampliação de linhas de crédito para importação de alimentos, de US$ 90 milhões para US$ 100 milhões. O presidente da Petrobrás, José Sérgio Gabrielli, disse que as obras de prospecção começarão em breve.A Venezuela é o maior parceiro comercial de Cuba na América do Sul hoje e o Brasil quer recuperar o terreno perdido. Hugo Chávez vende desde 2003 petróleo a preços subsidiados, em troca do envio de médicos a seu país.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.