Petista quer seguir Daniel em Santo André

Vitória conduziria o partido à quarta gestão consecutiva na cidade de 676 mil habitantes

Eduardo Reina, SANTO ANDRÉ, O Estadao de S.Paulo

06 de outubro de 2008 | 00h00

O candidato do PT à Prefeitura de Santo André, o deputado estadual Vanderlei Siraque, disse estar confiante na vitória no 1º turno, ou mesmo num eventual segundo turno. Às 23h40, com 72,76% das urnas apuradas, ele tinha 47,95% dos votos.Siraque disse que, uma vez no comando do Executivo, vai continuar o trabalho começado pelo então prefeito Celso Daniel, assassinado em 2001, e seguido pelo seu sucessor, João Avamileno. "As pesquisas mostram uma possível vitória nossa no 1º turno. Se houver uma 2ª votação, os números também mostram uma vitória nossa", afirmou.Uma nova vitória petista em Santo André conduziria o partido à quarta gestão consecutiva na cidade de 676 mil habitantes.2.º LUGAR EMBOLADOOs adversários diretos de Siraque mostraram confiança em passar para segundo turno.Aidan Ravin, do PTB, e Raimundo Salles, do DEM, tinham 20,74% e 19,87%, respectivamente.Newton Brandão, do PSDB, 9,24%. "A disputa é voto a voto. Não está nada acertado e teremos um segundo turno", disse Ravin. "Haverá segundo turno. Não temos dúvidas de que estaremos nessa disputa", afirmou Salles.ALIANÇA DE DIREITACandidato a vice na chapa de Brandão, Fernando Gomes disse não se importar com os números das pesquisas que embolavam a segunda posição e que, indo para a disputa final, ganhará a eleição. "Não tenho dúvida que ganharemos a eleição no 2º turno. Mas se outros estiverem lá, formaremos uma aliança de direita contra o PT. O PT não precisa da gente", destacou Gomes. A votação na cidade foi tranqüila, sem nenhum incidente nas zonas eleitorais. Só um problema técnico em urnas na 262ª zona fez com que mesários adotassem cédulas de papel, mas a medida não atrasou o andamento do pleito.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.