Pesquisa revela um eleitor mais indeciso

A pesquisa elaborada pela Sensus para a Confederação Nacional dos Transportes (CNT) mostrou que houve uma queda no volume de votos espontâneos para possíveis candidatos à Presidência em 2002. O presidente de honra do PT, Luiz Inácio Lula da Silva, foi apontado como possível candidato por 12,5% dos entrevistados, um número de votantes menor que os 14,8% registrados em março. O presidente Fernando Henrique Cardoso, que vem aparecendo na segunda posição do voto espontâneo, caiu de 10,9% para 8,5% na preferência. Em terceiro lugar aparece o ex-ministro da Fazenda Ciro Gomes: 5,8% dos entrevistados o apontaram como possível candidato este mês, contra 6,5% no mês passado.Já no voto estimulado, o presidente de honra do PT, registrou um pequeno crescimento, passando de 28,2% para 29,4%. As demais posições permaneceram as mesmas em relação à pesquisa anterior, do mês de março, com Ciro Gomes em segundo lugar, seguido pelo governador de Minas, Itamar Franco, o senador Antônio Carlos Magalhães e o ministro da Saúde, José Serra. A pesquisa foi elaborada entre os dias 13 e 19 de abril e foram ouvidas duas mil pessoas em 195 cidades do País.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.