Pesquisa mostra queda nos preços de 1500 medicamentos

Uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira da Indústria Farmacêutica (Abifarma) mostra que 1556 medicamentos tiveram seus preços ao consumidor reduzidos, entre 8.603 produtos disponíveis no mercado. Desse total, 81 são genéricos e outros são produtos de marca novos. A Abifarma cita duas razões para essa redução: as indústrias simplesmente reduziram os preços de 1450 medicamentos, e não alteraram os preços de 106 produtos, cujo preço para o consumidor acabou caindo por causa da diminuição da margem de lucro dos varejistas.A diminuição dos preços mostra, segundo a Abifarma, como o congelamento de preços também prejudica o consumidor, pois desestimula as empresas a praticarem uma rebaixa em seus produtos, mesmo quando o mercado aponta para essa necessidade.A Abifarma também respondeu a acusação de que 28 laboratórios vão ter seus preços investigados por suspeita de abusos. "É preciso lembrar que em várias ocasiões esse tipo de denúncia acabou revelando banais erros de digitação das listas ou arredondamentos de casas decimais. Em outros casos, aparentes altas irregulares eram fruto da implantação confusa do mecanismo do Pis/Cofins e ICMS, que permite preços diferenciados em diferentes Estados. A afoiteza dos que desejam tirar proveito político de denúncias contra a indústria farmacêutica junto à opinião pública levam-nos a cometer erros primários".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.