Pesquisa mostra que há descontentamento, diz tucano

Existe um "descontentamento generalizado" dos brasileiros com os serviços públicos que foi refletido pela pesquisa Datafolha divulgada hoje, avalia o líder do PSDB na Câmara dos Deputados, Carlos Sampaio (SP). Além do mais, continua o deputado em nota enviada pela liderança do partido na Câmara, o levantamento indica que população reconhece que essa carência depende do governo federal. No Datafolha, a avaliação positiva da presidente caiu 27 pontos percentuais - 30% consideram sua gestão boa ou ótima, frente a 57% na primeira semana de junho.

RICARDO DELLA COLETTA, Agência Estado

29 Junho 2013 | 17h09

"Os brasileiros vinculam imediatamente a insatisfação com os serviços públicos e com os rumos da economia à falta de ação por parte da presidente Dilma", critica o deputado. O tucano afirma que o governo não deu respostas efetivas aos protestos que tomaram as ruas do País nas últimas semanas. Dilma tem tentado, segundo Sampaio, "tirar o foco da discussão" ao dedicar sua agenda à reforma política. Na nota do partido, Sampaio diz que a reforma política é "desejável", mas critica a falta de medidas por parte da presidente em outros temas.

"As manifestações que ocorrem em todo País correspondem ao verdadeiro plebiscito sobre o que é prioridade para a população", disse o tucano. "Há um sério problema de foco: enquanto a população quer ações imediatas nas áreas da saúde, educação, transporte, capazes de melhorar as condições de vida das pessoas, a presidente passou a semana se dedicando à reforma política, tentando tirar o foco da discussão." Ele argumentou que não houve ações, por parte do governo, para melhorar as áreas de saúde, educação, segurança pública, para a redução da inflação e dos gastos públicos.

Mais conteúdo sobre:
DilmaDatafolhaPSDB

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.