Dida Sampaio/ Estadão
Dida Sampaio/ Estadão

Quaest: Castro e Freixo lideram disputa pelo governo do Rio; Romário lidera Senado

De acordo com pesquisa Genial/Quaest sobre a disputa pelo governo do Rio de Janeiro, Cláudio Castro teria 21% das intenções de voto contra 17% de Marcelo Freixo; Romário lidera com 25% a disputa pelo Senado

Giordanna Neves, O Estado de S.Paulo

22 de março de 2022 | 11h44

Pesquisa Genial/Quaest divulgada nesta terça-feira, 22, mostra que o atual governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro (PL), tem 21% de intenções de voto para o governo do Estado no primeiro turno, empatado na margem de erro com o deputado federal Marcelo Freixo (PSB), que tem 17% no cenário estimulado.

Na sequência estão o ex-prefeito de Niterói, Rodrigo Neves (PDT), com 9%, seguido do presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), André Ceciliano, que tem 4%. O ex-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz (PSD), aparece com 3% e, na lanterna, o deputado federal Paulo Ganime (Novo), com 1%. Os brancos, nulos e que não pretendem votar somam 34% e os indecisos, 11%.

Na pesquisa espontânea, 68% dos entrevistados disseram não ter escolhido ainda um candidato para o governo, enquanto 4% disseram votar em Castro e 2% em Freixo. Os indecisos somam 22%.

Apoios

A pesquisa mediu ainda o potencial de votos de candidatos com o apoio de possíveis aliados. Segundo o levantamento, 36% dos entrevistados votariam em Castro no segundo turno considerando o apoio do presidente Jair Bolsonaro (PL). Sem o apoio, esse índice cai para 34%.

Com apoio do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Freixo atinge 41% das intenções de voto no segundo turno. Sem o apoio, o percentual cai para 30%.

De acordo com a pesquisa, 33% dos entrevistados disseram que prefere que vença um candidato mais ligado a Lula, enquanto 29% preferem que seja mais ligado a Bolsonaro. Para 32%, a preferência é que não seja nem ligado a Bolsonaro e nem ligado a Lula.

Segundo turno

Nas projeções para segundo turno entre Castro e Freixo, o governador aparece com 34% e o deputado, 30% no cenário estimulado. Contra Santa Cruz, Castro teria 39% e o ex-presidente da OAB, 15%. Na disputa contra Neves, o governador atinge 36% e o ex-prefeito, 20%.

Senado

A pesquisa também mostra as intenções de voto para senador. O senador Romário (PL), candidato à reeleição, aparece na liderança, com 25% no cenário estimulado, seguido pelo ex-prefeito do Rio, Marcelo Crivella (Republicanos) com 14%. A deputada federal Clarissa Garotinho (PROS) e o deputado federal Alessandro Molon (PSB) estão empatados com 7% cada.

O prefeito de Duque de Caxias, Washington Reis (MDB), tem 6%, enquanto Ceciliano e o deputado federal Otoni de Paula (PSC) estão empatados com com 4%. Na lanterna está o deputado federal Daniel Silveira (União Brasil), com 3%. Os brancos, nulos e não pretendem votar somam 26% e os indecisos, 5%.

No levantamento, foram entrevistadas 1.200 pessoas acima de 16 anos em 46 municípios do Rio de Janeiro de forma presencial, entre os dias 15 a 18 de março. A margem de erro é de 2,8 pontos porcentuais e o nível de confiança é de 95%. A pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral sob número R J-07593/2022.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.