Pesquisa alimenta vitória de Marta já no 1º turno

O resultado da última pesquisa Ibope, encomendada pelo jornal o Estado de São Paulo e pela TV Globo, ajudou a alimentar dentro do PT as esperanças de uma vitória de Marta Suplicy já no primeiro turno, na briga pela Prefeitura de São Paulo. Oficialmente, o discurso da direção da campanha é de que a petista não subirá no salto alto, nem mudará sua estratégia por causa do desempenho positivo. Na prática, entretanto, a ordem na base é trabalhar para angariar o maior número possível de votos e tentar ao máximo evitar o segundo turno. Na pesquisa Ibope, a candidata do PT ostentou uma alta de 7 pontos e atingiu 41% das intenções de voto. Ela abriu 15 pontos de vantagem sobre o rival Geraldo Alckmin (PSDB), pondo fim à situação de empate técnico que caracterizava os últimos levantamentos. O tucano, por outro lado, amargou a perda de 5 pontos e ficou com 26%. Integrantes da equipe de Marta dizem ter consciência da dificuldade de vencer a disputa no primeiro turno, principalmente se considerado o fato de um resultado como este nunca ter sido obtido por um candidato à prefeitura paulistana. Mas a análise que circula entre os partidários de Marta é de que ela passará a ter chances reais de liquidar a disputa no início de outubro, desde que consiga chegar ao começo de setembro com 41% ou 42% das intenções de voto. Para que a eleição seja definida no primeiro turno, o candidato precisa somar 50% dos votos válidos mais um. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.