Pellegrino cobra apoio de Lula e reclama de ACM

O deputado e candidato do PT à Prefeitura de Salvador, Nelson Pellegrino, chegou ao Palácio do Planalto para pedir ao presidente Lula apoio em sua campanha eleitoral. O PT da Bahia tem reclamado de falta de sustentação do presidente e do partido à candidatura. Acompanhado de uma equipe de imagem e produção de sua campanha, Pellegrino disse que iria relatar ao presidente uma série de críticas feitas pelo candidato pefelista à Prefeitura, Cesar Borges, e pelo senador Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA) ao governo federal. Pellegrino reclamou que ACM vem aproveitando na campanha de Borges imagens de um jantar que teve com o presidente Lula. "O encontro do presidente com o senador não ocorreu no melhor momento", afirmou Pellegrino. Segundo pesquisa Ibope, divulgada no dia 15 de setembro, Pellegrino aparece em quarto lugar com 11% das intenções de voto, empatado tecnicamente com Lídice da Mata (PSB) que tem 13%. Cesar Borges é o segundo colocado com 28% e João Henrique Carneiro (PDT) lidera a disputa com 33%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.