Pedido habeas-corpus de ex-presidente da Sudam

O advogado de defesa de José Arthur Guedes Tourinho ?ex-presidente da Superintendência do Desenvolvimento da Amazônia (Sudam) ? ingressou na tarde deste sábado com um pedido de habeas-corpus para seu cliente no Tribunal Regional Federal (TRF) da 1ª Região, em Brasília. O ex-presidente da Sudam foi preso esta manhã juntamente com o ex-senador Jader Barbalho (PMDB-PA) e outros acusados de participarem de um esquema de desvio de recursos públicos da extinta Superintendência. Na petição encaminhada, o advogado Alexandre Marcus Fonseca Tourinho, alega que a decretação do pedido de prisão preventiva de seu cliente é ilegítima, já que José Arthur nunca teria negado a se apresentar a Justiça, quando convocado, além de ter residência fixa.Segundo fonte do TRF o presidente do Tribunal, Tourinho Neto, só irá apreciar o pedido de habeas-corpus quando todas as outras solicitações forem encaminhadas ao Tribunal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.