Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

PDT realiza convenção nacional sem presença de Jackson Lago

Na convenção, pedetistas pretendiam fazer um ato de desagravo ao governador do Maranhão, cassado pelo TSE

Eugênia Lopes, de O Estado de S. Paulo,

06 de março de 2009 | 12h14

O governador do Maranhão, Jackson Lago, que teve o mandato cassado pela Justiça Eleitoral nesta semana, não apareceu na convenção nacional do PDT. O partido está reunido para reeleger, pela terceira vez consecutiva, o ministro do Trabalho, Carlos Lupi, para presidência do PDT.   Veja Também: Lago despacha e Roseana já monta equipe 'Justiça fez justiça', diz Roseana sobre Jackson Lago TSE cassa mandato de Jackson Lago, governador do Maranhão Cassado pelo TSE, Jackson Lago diz que irá recorrer Com cassações do TSE, PMDB amplia poder nos Estados Opine: TSE deve investigar passado dos substitutos?  Saiba quem são os governadores na mira do TSE   Na convenção, os pedetistas pretendiam fazer um ato de desagravo ao governador Jackson Lago que, segundo a assessoria do partido, está no Estado. Várias faixas favoráveis ao governador estão espalhadas na sede do partido, com frases como: "O povo do Maranhão já decidiu no voto. O PDT não aceita o tapetão".   Lupi já avisou que se afastará da presidência, colocando como interino em seu lugar o deputado Vieira da Cunha (RS), que deverá ser eleito primeiro-vice presidente. Em 2007, a Comissão de Ética do Palácio do Planalto recomendou a saída de Lupi da presidência do partido ou do ministério sob a alegação de que não era possível exercer as duas funções ao mesmo tempo, pois feria o Código de Ética.   O afastamento de Lupi da presidência do PDT ocorreu em março de 2008. Desde então, Lupi mantém-se na liderança do partido, mas se licencia do cargo deixando a interinidade com seu vice.  

Tudo o que sabemos sobre:
Jackson Lagogovernador do Maranhão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.