Valter Campanato/AGência Brasil
Valter Campanato/AGência Brasil

PDT em Minas deixa ‘portas abertas’ para Marcio Lacerda

Em nota, direção do partido no Estado criticou decisão das cúpulas nacionais do PSB e do PT

Jonathas Cotrim, O Estado de S.Paulo

02 de agosto de 2018 | 16h54

BELO HORIZONTE - A direção do PDT em Minas Gerais divulgou uma nota, nesta quinta-feira, 2, afirmando que as portas do partido estão abertas para o ex-prefeito de Belo Horizonte Marcio Lacerda (PSB), depois que a cúpula pessebista determinou a retirada de sua postulação ao governo de Minas Gerais. A nota também criticou a negociação entre PT e PSB em nível nacional.

“Como lhe faltou apoio do seu partido (...), oferecemos aqui, mais uma vez, as portas abertas do PDT. Sabemos que, quem fica maior com essa prática (aliança nacional) é o ex-prefeito”, declarou a direção do partido, que presidido em Minas pelo deputado federal Mário Heringer. Os pedetistas já haviam declarado apoio à pré-candidatura de Lacerda.

Além disso, o partido afirmou que o pacto nacional entre PT e PSB “ataca a vontade soberana de mineiros e pernambucanos”. A nota também cita que a estratégia foi uma forma de constranger a candidatura à presidência de Ciro Gomes (PDT). “Atropela o bom senso e a razoabilidade para continuar uma hegemonia e transformar a política em chave de cadeia”, declarou o PDT.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.