PDT decide apoiar mínimo de R$ 275 proposto pelo PFL

O PDT decidiu em reunião da bancada fechar questão contra a medida provisória que estabelece o salário mínimo em R$ 260,00. Os doze parlamentares do partido, reunidos com presidente do PDT, Leonel Brizola(RJ), vão apoiar o destaque do PFL, que aumenta o mínimo para R$ 275,00. A proposta do PFL será o primeiro item da votação do plenário. O PDT vai também defender um destaque fixando o mínimo em R$ 280,00, como querem os dissidentes do PT, caso caia a proposta do PFL.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.