PCdoB fecha apoio a vice-governador em Manaus-AM

O PCdoB firmou ontem apoio à candidatura do vice-governador Omar Aziz (PMN) à prefeitura de Manaus, mesmo o partido tendo anunciado que não iria apoiar nenhum candidato ao fim do período de convenções. Nas últimas eleições, o PCdoB havia apoiado a candidatura do atual prefeito, Serafim Corrêa (PSB), cujos índices de rejeição em pesquisas locais fez a legenda se afastar nesta disputa. A capital do Amazonas tem seis candidatos à prefeitura: Omar Aziz (PMN), Serafim Corrêa (PSB), Amazonino Mendes (PTB), Francisco Praciano (PT), Ricardo Bessa (PSOL) e Luiz Navarro (PCB). Da coligação de Aziz fazem parte PMN, PMDB, PR, PRP, PRB, PCdoB e PSL.Segundo o presidente estadual do PCdoB, Antônio Levino, o apoio a Omar estava sendo planejado, mas que apenas após o final do prazo para as coligações é que o partido poderia confirmar. "Tínhamos uma decisão da direção nacional do partido que nos impedia de coligar com outro partido e também a possibilidade de Vanessa Grazziotin ser nossa candidatura própria", diz. O apoio não acrescenta tempo à coligação de Omar no horário eleitoral gratuito em rádio e televisão, mas a militância do partido, afirma o presidente, deve ir às ruas por Aziz. Pelo menos um vereador do partido já se declarou contra o apoio, o candidato à reeleição à Câmara Municipal Marcelo Ramos, que ocupou a presidência do Instituto Municipal de Transportes Urbanos (IMTU) na administração de Serafim. Para a deputada federal do PCdoB Vanessa Grazziotin, a candidatura de Aziz é a preferida do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, e que ele só não subirá ao palanque do vice-governador porque o PT tem candidato em Manaus.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.