Paulo Bernardo fala à Câmara com audiência esvaziada

Diante da presença de apenas dois parlamentares na Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara dos Deputados, o presidente da sessão, José Carlos Araújo (PSD-BA), fez um desabafo na manhã desta quarta-feira, 30, antes de audiência pública com a participação do ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, e do presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), João Rezende.

EDUARDO RODRIGUES, Agência Estado

30 de abril de 2014 | 10h57

"Fico envergonhado com a ausência dos deputados. Inclusive, se o ministro não quiser fazer sua apresentação aqui hoje, ele não precisa. A nossa obrigação é estar aqui após a aprovação dos requerimentos para se convidar autoridades", afirmou. Informado de que a presidente da Petrobras, Maria das Graças Foster, está em outra comissão da Câmara neste momento, Araújo ainda comentou que "isso não é desculpa".

Apesar do desabafo do deputado, Paulo Bernardo deu início há pouco à sua apresentação sobre o mercado de telecomunicações no País e a qualidade dos serviços.

Mais conteúdo sobre:
CâmaraPaulo Bernardo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.