Pastor Feliciano recebe apoio em redes sociais

Eleito, na quinta-feira, presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados, o pastor Marco Feliciano (PSC-SP) vem recebendo manifestações de apoio de seus seguidores nas redes sociais pela "vitória" no Parlamento. Em agradecimento, sua assessoria divulgou um vídeo em que o deputado aparece emocionado e rezando após a posse.

DAIENE CARDOSO, Agência Estado

08 de março de 2013 | 14h38

"Você sabe o que faz um homem de Deus depois de uma grande luta e enfim uma vitória?", diz a frase inicial do vídeo de menos de um minuto. A sequência mostra o deputado rezando de mãos dadas a outras três pessoas, com os olhos fechados. Com a aproximação da câmera, uma gota de lágrima escorre pelo seu rosto. O vídeo é encerrado com o Salmo 33:12 - "Feliz é a Nação cujo Deus é o Senhor" - e a # "Rumo ao Governo dos Justos".

Em contraponto às manifestações de repúdio à eleição do pastor na Comissão, seus seguidores no Twitter e no Facebook saíram em sua defesa. "As pessoas só atacam quem incomoda. O senhor está fazendo a diferença. O povo de Deus é contigo", escreveu uma simpatizante no Twitter. "Sei que fará uma gestão digna que lhe foi confiada", comentou outro seguidor. "Pastor @marcofeliciano é um exemplo pra nossa geração! Um homem de Deus que não tem do que se envergonhar e merece nosso respeito", acrescentou outro.

O deputado, acusado de ser homofóbico e racista, tem mais de 141 mil seguidores no Twitter e outros 101 mil no Facebook. Nas redes sociais, ele (que é presidente da Igreja Assembleia de Deus Catedral do Avivamento) se apresenta como escritor, cantor, apresentador de programa de TV, conferencista internacional com bacharelado em Teologia e doutorado em Divindade.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.