Partidos tentam negociar correção do IR em 20%, diz Inocêncio

O líder do PFL na Câmara, Inocêncio Oliveira (PE), informou na tarde desta terça-feira que o seu partido, o PMDB e a oposição estão negociando um acordo com o governo para que a atual tabela de alíquotas do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) seja corrigida em 20%. O projeto já votado na Câmara propõe um reajuste de 35,29%. Segundo Inocêncio, o acordo permitiria a votação do projeto ainda este ano. O líder pefelista disse ainda que não seria acrescentada nenhuma nova alíquota para compensar a perda de arrecadação, diferentemente do que vinha propondo o governo, isto é, alíquotas de até 35%. Inocêncio disse ainda que encaminhará voto favorável ao projeto de lei do governo que estabelece a prevalência dos acordos e convenções coletivas sobre a legislação trabalhista. Segundo ele, o projeto moderniza a legislação do trabalho. Ele disse acreditar, no entanto, que a sessão de hoje do plenário da Câmara seja destinada apenas à discussão da matéria e que a votação fique para amanhã.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.