Partidos definem novos líderes nesta semana

Com o fim da convocação extraordinária e retorno aos trabalhos regulares do Legislativo, partidos políticos estão se dedicando a escolha de seus líderes. Neste terça-feira dois partidos devem escolher os líderes de suas bancadas: PP, um dos mais envolvidos no esquema do mensalão e o PDT.Quatro candidatos estão na disputa da liderança: Mário Negromonte (BA), que responde atualmente pela liderança, José Linhares (CE), Celso Russomano (SP) e Ricardo Barros (PR), que faz oposição ao governo. Apesar de integrarem a ala governista do PP, Negromonte, Linhares e Russomano não fazem parte do grupo mais ligado ao atual líder licenciado, José Janene (PP-PR), que responde a processo de cassação no Conselho de Ética da Câmara. O PDT, partido que se declarou de oposição ao governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, deverá eleger, para líder de sua bancada na Câmara o deputado Miro Teixeira (RJ), ex-ministro das Comunicações e ex-líder do governo Lula na Câmara.A escolha de Miro deve ser consensual e tem a participação da Executiva do partido. O presidente da sigla, Carlos Lupi, convocou a reunião para a escolha do líder da bancada e está articulando um consenso. "Temos causas e vamos defender nossos pontos de vista e nossas teses. Não existem alianças nem antagonismos históricos", afirmou Miro, respondendo ao questionamento se a bancada estava se aproximando do governo. "Não tenho embaraço. Se Lula se colocar contra essas teses, vamos fazer oposição a ele".O PTB já reconduziu o líder José Múcio Monteiro (PTB-PE) ao cargo no ano passado, o PFL também no final do ano passado, manteve o líder da bancada, Rodrigo Maia (RJ), na liderança. O PT deixou para a próxima semana a discussão sobre o cargo, mas cresce a proposta de manter o deputado Henrique Fontana (PT-RS), que foi eleito para um mandato tampão com a renúncia do ex-deputado Paulo Rocha (PT-PA), que deixou a liderança e, posteriormente, o mandato para fugir do processo de cassação após ter sido acusado de envolvimento do esquema do mensalão. No PSDB a escolha será na quarta-feira. A disputa é entre dois candidatos: Jutahy Júnior (BA) e João Almeida (BA).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.