André Dusek/AE - 23.02.2013
André Dusek/AE - 23.02.2013

Partido de Marina conquista mais da metade do apoio para obter registro

De fevereiro até o começo deste mês, a Rede Sustentabilidade coletou 263 mil das 500 mil assinaturas necessárias

Isadora Peron - O Estado de S.Paulo

03 de maio de 2013 | 14h01

A Rede Sustentabilidade, partido que está sendo criado pela ex-senadora Marina Silva, divulgou nesta sexta-feira, 3, novo balanço do número de assinaturas coletadas desde fevereiro: 263.515. A quantidade representa mais da metade das 500 mil assinaturas necessárias para registrar a sigla no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Para poder disputar as eleições em 2014, é necessário finalizar todo o processo até outubro deste ano.

 

O número, no entanto, ficou abaixo da meta estipulada pela Rede para o fim de abril. O movimento esperava coletar 300 mil assinaturas.

 

Desde o mês passado, a sigla tem dado uma remuneração a colaboradores para que eles passem mais tempo nas ruas colhendo fichas de apoio. No site, a Rede explica que pretende intensificar as ações este mês. O cronograma definido pelo grupo é conseguir o total de assinaturas necessárias até 15 de junho.

 

"O balanço de abril revelou um resultado excelente, mas também nos trouxe muitos aprendizados. Em maio, devemos ampliar nossa presença nas universidades, com a realização de debates, e em outros pontos estratégicos", disse Marcela Moraes, coordenadora de organização sigla.

 

Eles contam ainda com a ajuda de outros partidos, como o PPS e o PSB, para conseguir conquistar o número de assinaturas em tempo hábil.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.