Para Renan, país vive momento difícil para as instituições

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), disse que o Brasil vive "um momento difícil, difícil mesmo para as instituições". Em discurso na sede da CNI Confederação Nacional da Indústria (CNI), no lançamento da Agenda Legislativa da Indústria, Renan afirmou que essa agenda está ligada à agenda do presidente Lula que tem sido vítima da crise política." O senador disse que é preciso haver maturidade política para que o País atravesse "as tormentas da crise sem abandonar preceitos constitucionais e o respeito ao estado de direito, à privacidade e aos contratos." A Agenda Legislativa da Indústria reúne os temas da pauta do Congresso que mais interessam ao setor industrial, como, por exemplo, as reformas tributária, previdenciária e trabalhista, o projeto da Lei Geral das Micros e Pequenas Empresas e os marcos regulatórios para os setores do gás e do saneamento. A agenda foi entregue hoje pelo presidente da CNI, deputado Armando Monteiro (PTB-PE), aos presidentes da Câmara, deputado Aldo Rebelo (PC do B-SP), e do Senado, senador Renan Calheiros.

Agencia Estado,

28 de março de 2006 | 15h36

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.