Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Para presidente do PT, tucanos antecipam campanha eleitoral por 2014

Em evento da CUT, Rui Falcão diz que oposição não deixa 'a presidente Dilma trabalhar'

Isadora Peron, de O Estado de S.Paulo

27 de fevereiro de 2013 | 12h28

O presidente nacional do PT, o deputado Rui Falcão, voltou a acusar a oposição de antecipar a campanha eleitoral de 2014, durante evento de comemoração dos 30 anos da Central Única dos Trabalhadores (CUT) na manhã desta quarta-feira, 27.

 

"A disputa eleitoral de 2014 tem sido antecipada. Os nossos adversários insistem em não deixar a presidente Dilma (Rousseff) trabalhar", disse o dirigente, em referência a bordão usado nessa terça, 26, pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para rebater as críticas do tucano Fernando Henrique Cardoso. "Deixa a mulher trabalhar, afinal de contas não é todo dia que o País elege uma mulher presidente", disse o petista, que também participa do evento desta quarta.

 

As reações dos petistas são uma resposta a declarações recentes do ex-presidente FHC, que chamou Dilma de "ingrata". A reação do tucano veio dias depois de evento petista em SP que comemorou os dez anos de governo do PT no País. Na ocasião, além de lançar a candidatura de Dilma à reeleição, o ex-presidente Lula destacou ações da petista e fez desafios ao PSDB. Ao comentar o episódio, FHC disse que a presidente não reconhece a herança que o PT recebeu de seu governo e concluiu dizendo que a petista "cospe no prato em que comeu".

 

Representante. Dilma não participará do evento desta quarta. Em seu lugar, enviou o ministro Gilberto Carvalho. O ex-tesoureiro do PT, Delúbio Soares, condenado pelo Supremo Tribunal Federal no julgamento do mensalão, também participa do evento.

 

 

Tudo o que sabemos sobre:
PTeleições 2014Dilma ingrata

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.