Para Padilha, orçamento deve ser aprovado até dezembro

Ministro disse aumento do salário mínimo visará garantir a continuidade da política de valorização

Fabio Graner, da Agência Estado,

12 de novembro de 2010 | 09h36

BRASÍLIA - O ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha, disse estar confiante de que o Orçamento de 2011 será aprovado até dezembro. E também afirmou que o governo vai negociar um aumento do salário mínimo que permita a continuidade da valorização do piso do País, mas que possa ser pago pelos governos federal, estadual e municipal.

 

Veja também:

link Nenhum ministro ou partido é dono de cargo, diz Padilha

 

Padilha salientou que a aprovação do Orçamento de 2011 é a grande prioridade do governo na agenda legislativa desse final de ano. Outro tema importante, segundo ele, é a conclusão do projeto que regulamenta a exploração do petróleo no pré-sal.

Em relação ao salário mínimo, disse que as centrais sindicais querem uma "antecipação" do reajuste que ocorreria só em 2012. Segundo ele, o governo aceita negociar, mas uma definição será tomada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva em acordo com a presidente eleita, Dilma Rousseff (PT).

O ministro enfatizou que, a despeito das negociações, o governo quer aprovar um Orçamento para 2011 que seja "equilibrado". Padilha participou do programa Bom Dia, Ministro, produzido pela Empresa Brasil de Comunicação (EBC).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.