Para Miro, críticas do PDT não lhe causam desconforto

O ministro das Comunicações, Miro Teixeira, evitou comentar a posição de parte do seu partido, o PDT, contrária à política do atual governo, embora integre a base aliada. "Desconforto não é coisa de quem tem convicções na vida", disse o ministro, ao ser questionado se estaria se sentindo desconfortável no ministério, diante da posição do seu partido. Em entrevista concedida logo após a audiência pública nas Comissões de Infra-Estrutura e Educação, no Senado, Miro Teixeira disse que o PDT tem quadros "formidáveis" que participarão do debate das reformas no parlamento. "A discussão agora será no Congresso", disse Teixeira, eximindo-se de qualquer responsabilidade na discussão. Mas se o PDT ficar contra, como o senhor fica no ministério? insiste o repórter. "Tenho cabelos brancos por merecimento e não só por antiguidade. Não vou entrar em uma pauta que não tem nenhum efeito positivo para a população", desconversou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.