Para Marta, eleitor está arrependido e vai apoiá-la

A candidata do PT à Prefeitura de São Paulo, Marta Suplicy, afirmou ontem que tem sentido pelas ruas da cidade um arrependimento dos que deixaram de votar nela em 2004. "Está muito diferente o clima da última campanha que eu fiz. Muito carinho, muita vontade que volte, muito arrependimento de quem não votou", disse a petista, que fez ontem uma caminhada na região de Vila Nova Cachoeirinha, na zona norte da cidade. Em 2004, Marta foi derrotada pelo tucano José Serra, que hoje é governador do Estado.À noite, Marta foi ao Bar Brahma, assistir ao show de Cauby Peixoto. Ela comeu, bebeu, cantou e namorou. Cauby agradeceu a presença da candidata. "Sou muito amigo de seus filhos, Supla e João. Como vão aquelas belezas, Marta?", indagou ele, que cantou Bastidores em homenagem à petista. Enquanto Cauby cantava, Marta ganhava uma serenata ao pé do ouvido do marido Luis Favre, que se arriscou em Samba em Prelúdio, de Baden Powell e Vinicius de Moraes. Quando Cauby começou a entoar Conceição, Marta dançou sentada na cadeira e cantou a sua música favorita.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.