Para Marina, Marco Civil é uma 'conquista da sociedade'

Para Marina, Marco Civil é uma 'conquista da sociedade'

Marina ressalvou que pontos importantes do marco ainda devem ser regulamentados como a questão dos direitos autorais, mas disse ser um projeto importante

ANA FERNANDES, Estadão Conteúdo

22 de setembro de 2014 | 18h24

A candidata à Presidência Marina Silva (PSB) disse há pouco que o Marco Civil da Internet é uma "conquista da sociedade brasileira". "Sei o quanto foi difícil aprová-lo no Congresso", disse sobre o projeto que é uma das vitrines eleitorais da adversária, que concorre à reeleição, Dilma Rousseff (PT).

Marina, que participa de um debate sobre internet banda larga promovido pelo "Movimento banda larga é um direito seu", ressalvou que pontos importantes do marco ainda devem ser regulamentados como a questão dos direitos autorais, mas disse ser um projeto importante.

A ex-ministra recorreu a um termo que vem usado bastante na campanha, no discurso de manter as coisas positivas dos governos anteriores. Marina já chamou de "conquistas da sociedade" programas como Bolsa Família, Minha Casa, Minha Vida, além da estabilização econômica e da democracia representativa.

Ao participar do debate, Marina chamou a banda larga de "serviço essencial para o País", comparando a serviços como educação, cultura e saneamento. A candidata argumentou que seu programa de governo foi inovador ao ter sido elaborado em uma plataforma digital colaborativa, com participação de 6 mil pessoas, e afirmou que a internet pode ajudar a melhorar a qualidade da política e a qualidade da gestão pública.

Tudo o que sabemos sobre:
eleiçõesMarina silvamarco civil

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.