Para internautas, relator exagerou ao dizer que 'está se lixando'

Sérgio Moraes diz que 'se lixa' para a opinião pública se tiver que inocentar Moreira, o deputado do castelo

08 de maio de 2009 | 18h10

O deputado Sérgio Moraes (PTB-RS), relator do processo contra Edmar Moreira (sem partido-MG) no Conselho de Ética, exagerou ao dizer que "se lixa" para a opinião pública. É o que diz a maioria dos leitores do estadao.com.br ao votar na enquete do portal. De um total de 409 votos, 354 (87%) acreditam que houve exagero e apenas 55 (13%) responderam que não. A frase de Moraes foi dita na última quarta-feira quando Moraes tentava defender o deputado dono do castelo das acusações de mau uso da verba indenizatória.

 

Veja também:

som Ouça discurso no plenário da Câmara

especialPerfil: Quem é Edmar Moreira, dono do castelo

lista Todas as notícias sobre o caso Edmar Moreira

 

Moraes encampou a tese de Moreira de que não cometeu nenhuma irregularidade no uso da verba e pôs em dúvida os argumentos da comissão de sindicância da Corregedoria, que apontou indícios de uso do recurso público em benefício próprio. O relator também mostrou que não está preocupado com a má repercussão de uma absolvição prévia, sem sequer ter começado a investigação do caso. "Estou me lixando para a opinião pública", afirmou Moraes aos jornalistas. "Até porque parte da opinião pública não acredita no que vocês escrevem. Vocês batem, mas a gente se reelege."

 

Um dia após as declarações, Moraes foi ao plenário e reiterou os ataques à imprensa. Disse que não será "avalista" das "mentiras" noticiadas contra Moreira. "A minha conduta política - sete mandatos - não será desmanchada por um, dois ou três jornais que não pagam impostos, por redes (de TV) que usam trabalho infantil nas telenovelas. Não têm moral para me puxar a orelha", discursou. Os demais conselheiros ficaram revoltados com o colega.

 

A partir daí, teve início um movimento para tirar Moraes da relatoria do caso. O presidente do Conselho de Ética da Câmara, deputado José Carlos Araújo (PR-BA) disse nesta sexta-feria que "é insustentável" a manutenção do deputado e que a troca do relator deverá ser formalizada em reunião do conselho, marcada para a próxima terça-feira. Em resposta, Moraes afirmou: 'Eu não saio'.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.