Para Aécio, pesquisa mostra eleição extremamente disputada

O governador de Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB), procurou minimizar o resultado da pesquisa CNT/Sensus, na qual o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) aparece com dez pontos porcentuais à frente do prefeito de São Paulo, José Serra (PSDB), na simulação de um eventual segundo turno à Presidência da República.Para Aécio, a pesquisa confirma que as eleições gerais deste ano serão extremamente disputadas, mas há grandes variações nos levantamentos realizados até agora. "O que demonstra, de fato, que estamos longe de ter um quadro consolidado. O que parece estável é a polarização entre as candidaturas Lula e a do PSDB", disse. Segundo ele, a partir da definição do nome do presidenciável do PSDB, o candidato tucano terá melhores condições de crescimento.Em público, Aécio é um dos caciques do partido que têm defendido a manutenção do período posterior ao Carnaval, no mês de março, para a definição do candidato. Estão no páreo o prefeito Serra e o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.