Papa se encontrará com Lula em São Paulo no dia 10 de maio

O papa Bento XVI se reunirá com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva no dia 10 de maio em São Paulo, um dia depois de sua chegada ao Brasil, informaram bispos nesta sexta-feira. Bento XVI ficará no Brasil entre os dias 9 e 13 de maio, em uma visita que tem como principal motivo a inauguração da 5ª Conferência Geral do Episcopado da América Latina e do Caribe, que acontecerá na cidade de Aparecida, em São Paulo. O papa, que celebrará missas em São Paulo e em Aparecida, incluirá entre suas atividades uma visita à Fazenda da Esperança, como havia antecipado reportagem do Estado em 7 de janeiro. A fazenda fica na cidade de Guaratinguetá, no Vale do Paraíba, e abriga um centro de recuperação de dependentes químicos. O papa "vem unicamente para esta finalidade (a conferência). Naturalmente que, tendo vindo ao Brasil, chega a São Paulo e por isso terá encontros com autoridades públicas (...) Mas o motivo principal é este, a realização da 5ª Conferência", disse a jornalistas o presidente da Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Geraldo Majella. A missa em São Paulo acontecerá no dia 10 de maio e a de Aparecida no dia 12 do mesmo mês. O secretário-geral da CNBB, Odilio Scherer, disse que há expectativas de que o sumo pontífice faça alguns deslocamentos no chamado Papamóvel, veículo usado pelo papa em suas aparições públicas. A viagem para o Brasil será a primeira de Bento XVI à América Latina. Como prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé, o cardeal Joseph Ratzinger visitou o Rio de Janeiro em 1990 para acompanhar a um encontro de bispos, segundo Scherer.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.